• Paulo Bomfim

Como administrar culturas diferentes - com Lilian Bertin


Na minha Live semanal Conversa de Líder, que foi ao ar no dia 01/10/2020, eu recebi a empresária, autora Best Seller do livro "A Hora Extraordinária", mentora de negócios e minha amiga Lilian Bertin.

A Lilian e seu marido Paulo, construíram empresas de sucesso em Sorocaba, no interior de São Paulo, no ramo de bebidas finas. No começo deste ano, eu havia conversado com ela em uma de suas lojas, no Shopping Iguatemi de Sorocaba. Ela ainda estava a frente dos negócios e me contava sobre sua nova loja, de vendas de bebidas no atacado. Me lembro dos olhos dela brilhando ao falar do novo negócio.

Quando fui anunciar nossa Live, a Lilian me escreveu pra fazer uma grande mudança no anúncio. Ela não estava mais à frente dessas empresas! Tinha deixado a posição para assumir sua vocação, seu novo negócio e paixão: mentorar empresários! Eu sabia que ali estava mais um empreendimento de sucesso.

Confesso que, quando convidei a Lilian, pensei que falaríamos muito sobre como administrar culturas diferentes, uma vez que ela estava à frente de uma loja fina e elegantíssima, num shopping de alto padrão, e outra que vendia atacado, onde mesmo havendo qualidade, o foco está no preço. Queria saber sobre como ela fez para administrar culturas diferentes dos dois negócios, mas acabei me surpreendendo e sabendo mais!


Quando conheci a Lilian, no começo de 2016, ela já era uma empresária bem sucedida. Estávamos nós dois num treinamento de palestrantes com o Roberto Shinyashiki e o processo que ela atravessou a fez desabrochar e brilhar ainda mais. Ela se tornou autora best seller, com seu livro "A Hora Extraordinária", publicado pela Editora Gente e vem dando palestras e treinamentos, ensinando seu método desde então. E então surge o novo desafio: fazer essa transição de empresária, à frente dos negócios desde os anos 90, quando abriu sua primeira loja, para partir em carreira solo ao mesmo tempo que deixa os negócios andando por si só.

A liderança está no DNA da Lilian. Ela conseguiu não somente criar filhos maravilhosos, educados, independentes, como também os ajudou a se tornarem líderes e gestores altamente competentes. Hoje, essa saída da cena empresarial se tornou simples, porque há pessoas certas, encaixadas nos lugares certos, fazendo aquilo que sabem fazer de melhor.

Aproveitei pra falar sobre um tema que já havíamos falado antes: a forma que as decisões acontecem na sua empresa e como são avaliados, entendidos e tratados os problemas que surgem. A Lilian me falou de suas reuniões, onde há colaboradores chaves que participam, de todos os níveis da empresa, desde os CEOs, diretores, gestores até atendentes na loja e outros cargos operacionais. A visão que cada pessoa traz sobre o que está acontecendo, as ideias que surgem ajudam a compor um entendimento mais amplo, dando melhores insumos para as tomadas de decisão.

Eu costumo chamar esse tipo de reunião de consulta aos copilotos e batedores. Assim como uma grande aeronave, que para sair do hangar, chegar até a pista decolar e seguir seu destino, uma empresa precisa de outras visões e avisos de pessoas que estão às vezes no solo, para ver o que pode estar escapando ao piloto. Claro que, assim como quem toma a decisão é o piloto, numa empresa é o CEO ou dono que vai tomar a decisão e dar go ou no go nos projetos. Ele que assume os riscos e as consequências, que busca sempre minimizar com planos de mitigação e contingência.


Ressaltamos muito na nossa conversa o compromisso que um empresário precisa ter com o sucesso. Lembra que eu comentei do brilho dos olhos da Lilian no começo da conversa, à respeito da sua distribuidora de bebidas? Pois é, na época ela havia me contado que o novo modelo de negócios estava sendo mais lucrativo que o antigo. E como quem entende muito bem que lucro é o que torna uma empresa saudável e próspera, a Lilian e sua família não tiveram problemas em abandonar o velho e partir para o novo modelo, que tem se mostrado mais eficiente e promissor. Decisão arrojada de quem entende o que precisa ser feito e tem coragem para fazer.

A conversa com a Lilian foi maravilhosa e cheia de pontos onde pudemos trocar muitas visões interessantes sobre cuidar das pessoas e dos negócios.

Quer saber como foi? Então veja a Conversa de Líder completa aqui:


E você? Quais insights teve dessa conversa? Conta aqui pra gente nos comentários!

Um grande abraço!

Paulo Bomfim

7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo